Skip to main content

O papel fundamental da saliva na saúde bucal

A saliva, aquele líquido transparente e aquoso das nossas bocas, também é um elemento que contribui em grande parte para nossa saúde bucal.

A saliva protege sua boca

Pense na saliva como um sistema de controle climático, que ajuda a dissolver os alimentos e a digestão, de forma geral. A saliva contém importantes compostos que dissolvem os alimentos durante a mastigação e garante que a comida seja digerida facilmente.

A saliva protege as gengivas das bactérias

As proteínas e minerais da saliva, que fortalecem os dentes e minimizam os germes, reduzem o risco de cáries e problemas de gengiva. Também combatem o mau hálito, mantendo as bactérias à distância.

A saliva ajuda na retenção das dentaduras

Envelhecer tem seus desafios. Mas há um desafio a menos, graças à sua boca. A saliva ajuda a fixar a dentadura, evitando preocupações com contratempos relativos a dentaduras, conforme envelhecemos.

A saliva evita a boca seca

À medida que envelhecemos, a produção de saliva diminui. Isso é chamado de boca seca ou, em termos técnicos, xerostomia. Alguns sintomas podem incluir a sensação desconfortável de língua inchada, dificuldade para engolir e de que é preciso forçar a saliva para baixo da garganta.

Mais do que apenas um inconveniente físico, a boca seca é um convite à proliferação de germes e as bactérias se multiplicam mais quando a saliva diminui. É por isso que normalmente o mau hálito acompanha a boca seca, o que aumenta o risco de problemas de gengiva e cáries.

Apesar de ser mais comum em pessoas mais velhas, alguns medicamentos e condições crônicas, como diabetes, estresse, fumo e até desidratação, podem causar secura na boca.

O equilíbrio no fluxo de saliva é essencial para manter as gengivas e dentes saudáveis. Quando sua boca estiver seca, é possível produzir saliva mascando chiclete sem açúcar, comendo algo ou bebendo água. Caso a boca seca seja um efeito colateral, fale com seu médico sobre as formas de reduzir esses efeitos ou, possivelmente, trocar de medicamento.